Archive for 25 de Julho, 2008

h1

Poema

Julho 25, 2008

vê como o verão

subitamente

se faz água no teu peito,

e a noite se faz barco,

e a minha mão marinheiro.

Eugénio de Andrade

Arte de Kurt Van Wagner

Anúncios