h1

Entraste…

Fevereiro 6, 2009

Entraste na casa do meu corpo,

desarrumaste as salas todas

e já não sei quem sou, onde estou.

O amor sabe.

O amor é um pássaro cego

que nunca se perde no seu voo.

Casimiro de Brito

Imagem: Ghislaine Segal

Anúncios

2 comentários

  1. Como sempre um poeta muito sensual,as suas poesias ,ao lê-las fico sempre muito ENLEVADA.Beijo


  2. Achei este poema forte e original. Senti a sensualidade a percorrer todas as palavras e li a sua beleza. Gostei muito



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: