h1

Apenas areia

Março 31, 2009

Sou o pó

E vou no vento

Através de rios

E montes

Vou no vento

E talvez eu pouse

Talvez encontre

O mel as areias

Do teu corpo

Trazidas pelo vento

António Ramos Rosa

Arte de  Fanny Nushka Moreaux

2 comentários

  1. Muito por acaso encontrei seu blog na net. Foi amor á 1º vista! Cada poema, cada ilustração, tudo bem casado, harmonioso….a partir de agora visito sempre!
    Um abraço!!!!!


  2. Fico absolutamente fascinada com os versos que aqui encontro. Você é um(a) garimpador(a)de encantos.

    Beijos,



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: