h1

Rumor

Agosto 14, 2014

Visto-me deste silêncio
como de um vestido de folhas.
Como álamo espreguiço o verde
no rumor de muitas águas.

Sou corpo, beijo profundo e desejo
e sinto-me perder nos lençóis
das tuas mãos que me envolvem
e convidam como linho fresco.

Descalça, para lá das montanhas sábias,
as ondas desnorteadas de um mar redondo.
Sei que nas asas de uma gaivota entontecida
eu parti contigo nos rumores das coisas libertas.

Asa e fogo, grito e beijo,
folhagem e água,
amor e ternura agreste
eu sou.

Lília Tavares (a publicar)

Arte por Denis Nunes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: