Archive for the ‘Torquato da Luz’ Category

h1

O sorriso

Setembro 2, 2009

Falta-me ainda construir o poema

que sem rodeios cantará

a festa de estar contigo.

Entretanto, exploro um tema,

sedento de palavras que não há

para dizer o que digo:

o infindável tema do sorriso

que te marca o olhar.

E de nada mais preciso

para continuar.

Torquato da Luz

Imagem: Anne-Marie Zylberman


h1

Palavras

Setembro 1, 2009

Palavras que se dizem ao ouvido

quando nos queima a febre do desejo

e só ganham sentido

se sairem dos lábios como um beijo.

Palavras murmuradas no calor

da mútua entrega

a deixar claro que o amor

nunca sossega.

Palavras revestidas de veludo

para afagar a vida

e que no meio da corrida

são elas próprias quase tudo.

Torquato da Luz

Imagem: Evelyn Williams

h1

Ausência

Agosto 25, 2009

Construímos a casa, alheios ao medo,
por entre a solidão e o arvoredo.
Uma varanda dava para o mar.

Depois chegou a noite e o enredo
do escuro se infiltrou como em segredo
por todos os recantos do lugar.

Foi quando tu partiste e muito cedo
dei por falta de ti e do luar.

Torquato da Luz

Arte de Nathalie Tacheau

h1

Mudez

Junho 9, 2009

Quando por fim voltares, traz no olhar
a nesga de areal onde algum dia
te encontrei entre a espuma e a maresia,
passeando a surpresa de haver mar.

Traz também nos cabelos o luar
e deixa que o veneno da poesia
nos envenene aos dois em sintonia,
como exige o mistério do lugar.

Talvez assim eu possa finalmente
segredar-te as palavras que não soube
dizer-te no momento em que te vi

pela primeira vez e, de repente,
o mundo foi tão grande que não coube
na minha voz e logo emudeci.

Torquato da Luz

Imagem: Leah West

h1

Palavras interditas

Abril 23, 2009

Não ouças o que eu digo, não dês voz

às palavras que à noite te murmuro.

São setas de arremesso contra o muro

de silêncio que erguemos entre nós.

*

O que tenho a dizer-te está além

de tudo o que te digo e o que sinto.

Por muito que te minta (e eu não minto)

são coisas que não digo a mais ninguém.

*

Porque sobre as palavras que te digo

voa o pássaro azul dos sentimentos

que não sei transmitir, mas trago dentro

*

de mim quando me encontro a sós contigo

e ignoro as palavras interditas

que diriam o amor com que me fitas.

Torquato da Luz

Imagem: Jackie Ludtke

h1

Sei a linguagem dos teus olhos

Abril 16, 2009

Sei a linguagem dos teus olhos,
aves de poiso vacilante,
sem gavinhas galgando
o muro dos dias.

Tudo é incerto e veloz,
nada garante nada,
mas entretanto esses olhos
iluminam-me a casa.

Torquato da Luz

Imagem: Vassilen Vasevski

h1

De volta

Abril 15, 2009

Era manhã e anoiteceu,
sem ter havido tarde nem meio-dia,
e tudo em volta envelheceu,
perdendo cor e poesia.

Mas tu chegaste e a tarde aconteceu
e voltei a ser eu.

Torquato da Luz

Imagem:  Miguel Camargo

h1

As mãos

Abril 13, 2009

Tenho para te dar as mãos vazias

e pouco mais, mas olha como são

as minhas mãos, que outrora foram frias

e hoje ardem ao calor da emoção

de sentir como espantam as sombrias

noites em que o negrume e a solidão

eram a manta com que te cobrias.

Torquato da Luz

Imagem: Elaine Lanoue

h1

O melhor

Abril 12, 2009

O melhor da vida foi conhecer-te

e amar-te, alheio ao correr dos anos.

Tudo o mais, que umas vezes me diverte

e outras me traz desenganos,

apenas prova que já perdi

a memória do tempo anterior a ti.

Torquato da Luz

Imagem: Hunter O’Reilly

h1

Revelação

Abril 6, 2009

Descobri que te amava

Quando vi

Que ao pé de ti

O tempo se esfumava

Torquato da Luz

Imagem: Laurence Dreano