Archive for the ‘António Cardoso Pinto’ Category

h1

Amor

Junho 20, 2013

que luz
acendem teus olhos
no profundo e silencioso mar
dos meus olhos

que serenidade vens entregar
à mansidão das minhas águas
que ninguém ousou tocar ou
contemplar

que suavidade
brilho ou lua
me pousa na alma

com tanto amor

António Cardoso Pinto

Arte de Vernor Gallardo

Anúncios