Archive for the ‘David Mourão-Ferreira’ Category

h1

Rangia entre nós dois a música da areia

Outubro 7, 2013

Rangia entre nós dois a música da areia
como se fosse Agosto a dedilhar um sistro
Agora está fechada a casa onde te amei
onde à noite uma vez devagar te despiste

Floresça o clavicórdio em pleno mês de Outubro
Na harpa de Setembro entrelaçou-se a vinha
A que vem de repente entre os dois este muro
feito de solidão de sal de marés vivas

Podia conjurar-te a que não me esquecesses
mas é longe do Mar que os navios são tristes
De que serve o convés com a sombra das redes

Quis a tua nudez Não quis que te despisses

David Mourão-Ferreira,
in 366 POEMAS QUE FALAM DE AMOR, Antol. org. por Vasco Graça Moura, (Lisboa, Quetzal, 2003)
Imagem: Arunas Rutkus

h1

Penumbra

Setembro 28, 2013

Na penumbra dos ombros é que tudo começa
quando subitamente só a noite nos vê
E nos abre uma porta nos aponta uma seta

para sermos de novo quem deixámos de ser

David Mourâo-Ferreira, in OBRA POÉTICA (Ed. Presença, 1988)

Imagem: Omar Ortiz (detalhe)

h1

Baptismo

Agosto 25, 2013

Para atrasar a morte vamos abrir a noite

com música de jazz

Percorrê-la depois

num barco de borracha

Celebrar o segredo

Enforcar a memória

Descobrir de repente

uma ilha que nasce dentro do teu vestido

Chamar-lhe Madrugada

Adormecer contigo

David Mourão-Ferreira

Imagem: Elena Ilku

h1

Clair de Lune

Julho 5, 2013

Debruço-me e descubro em teu peito descubro

dois globos de cristal num deserto nocturno
duas tendas de fogo onde leio o futuro

David Mourão-Ferreira

Imagem: Anna Razumovskaya

h1

Preâmbulo

Março 12, 2011

Galopam cavalos
por dentro do sangue

Em dunas resvalam
a boca e as mãos

Crispam-se as pálpebras
Os dedos se inflamam

ao mais leve toque
na tua garganta

assim que de costas
te deito na cama

David Mourão-Ferreira

Imagem: Emilia Wólkiewicz

h1

Teoria das marés

Fevereiro 18, 2011

Calidamente nua,
sob o vestido leve,
tua carne flutua
no desejo que teve.

Timidamente nua,
revelas, num olhar,
em minhas mãos a lua
que te fez oscilar.

David Mourão-Ferreira

Imagem: Carol Carter

h1

Conjugamos em coro

Junho 24, 2010

Conjugamos em coro
o verbo amanhecer

com sílabas que roubo
ao que a noite nos dê

David Mourão-Ferreira

Imagem: Claudia Shneider